CX. Ver Casais Felizes me Deixa Muito Feliz!

Nos dias de hoje, quando a gente vê coisas boas e positivas, é preciso destacá-las e colocá-las como exemplo.

Em um mundo repleto de futilidades, amores vazios, rapidinhas e individidualismo, acompanhar de perto a existência de um casal super do bem, me faz muito bem também!

Aconteceu esses dias. Trabalho com eventos há muito tempo, sendo pelo menos uns 6 anos com eventos de terror, Halloweens e afins, muitos deles graças à produtora Space Magic Artes. Em um desses eventos, fui escolhida para atuar em um “Chálloween”, isso mesmo, um Chá-Bar com tema Halloween.

A princípio os outros atores e eu ficamos sem saber como seria esse tal Chálloween. Passou pela cabeça que fosse um típico Chá de Panela com três monstrinhos (nós) bagunçando o pedaço.

challoween01

Mas foi surpreendentemente melhor que isso! Foi uma super festa em um buffet todo decorado para um perfeito Dia das Bruxas e com todos os amigos e parentes dos noivos devidamente fantasiados e/ou maquiados especialmente para a ocasião!

Foi um barato! Eu nunca tinha presenciado um Chá-Bar tão incrível assim. Mas o que mais me chamou a atenção disso tudo foi o companheirismo dos noivos. Só de ver os dois ali na mesma vibe, no mesmo clima, um embarcando no sonho do outro, rodeados de pessoas que os querem muito bem, ah, isso já valeu pela noite toda!

A noiva, uma fofa! Veio toda contente falar conosco, dizendo que ela estava fazendo tudo do jeito que sempre quis e que seu sonho era ter personagens de terror do Hopi Hari e do Playcenter na festa dela!

O noivo, uma figura! Vestido de Gene Simmons, do Kiss, ele ficou todo agradecido quando eu encontrei o pendrive que ele havia perdido. No pendrive havia uma coletânea de músicas estilo Classic Rock e Heavy Metal, o que, claramente não agradava a maioria dos convidados, mas que a noiva fez questão de deixar rolar, afinal eram as músicas que seu amado havia escolhido, oras!

Não bastando isso, observei o capricho da festa, o carinho com cada detalhe, os quitutes deliciosos, as lembrancinhas, o trabalho incrível das fotógrafas, uma equipe de maquiadores disponível para atender aos convidados, o casal super atencioso passando de mesa em mesa para tirar foto com todo mundo, a alegria na hora de cortar o bolo e os planos da noiva para um casamento perfeito que agrade não somente a ela, mas ao futuro maridão também.

Fiquei muito feliz de ter tido a oportunidade de trabalhar nesse Chálloween. Fiquei muito feliz de ter conhecido um casal tão amoroso quanto a Kátia e o Pedro, bem como os parentes e amigos deles, igualmente amorosos e atenciosos.

Só tenho a desejar um maravilhoso casamento para eles e para todos os casais que também se preocupam em cultivar momentos que agradem a ambos, com muito companheirismo, muito respeito, muita generosidade e, principalmente, muito amor!

😉

challoween03

Sessão: Macho & Fogão (pte. 13) – Especial Canadá

IMG_3634

Estavam com saudades das deliciosas postagens da Sessão Macho & Fogão?

Não se preocupem! Estamos de volta com mais umas delícias preparadas pelo Bom Marido (com a minha ajudinha também).

Desta vez, vamos mostrar o que o Bom Marido andou aprontando lá nas cozinhas do Canadá, quando foi me visitar na reta final do meu intercâmbio em Vancouver!

Veja a Sessão Macho & Fogão completa clicando AQUI!

IMG_2671
____

O Bom Marido chegou em Vancouver no dia 29 de dezembro de 2014, dia em que comemoramos 4 anos de relacionamento.

Enquanto eu fui buscá-lo no aeroporto, minha querida irmã preparou um macarrãozinho supimpa para nós.

Claro que ele não teria pique para cozinhar, pois estava desnorteado por conta da longa viagem! (Valeu, sister!)

____

Conforme mencionei na postagem LXXIX. O Bom Marido no Canadá – Feliz Ano Novo! , nos primeiros dias da viagem do Bom Marido, permanecemos no apartamento dos nossos queridos amigos Dimitri e Fabiana, do canal Canadá Diário. (Valeu, gente!)

IMG_2682

Foi lá que o Bom Marido preparou as primeiras iguarias em solo canadense, incluindo nosso banquete de Ano Novo.

No dia seguinte à chegada do Bom Marido, a primeira coisa que fizemos após o café da manhã foi dar uma passada no mercado.

IMG_2694O almoço foi o básico Arroz Integral com Curry e Filé de Frango na Manteiga, que é o nosso coringa!

Na véspera de Ano Novo, após um dia de passeios, compramos algumas coisinhas para nossa ceia, incluindo um vinho tinto seco muito bom por sinal.

O Bom Marido nos surpreendeu com um banquete para nossa ceia, com direito a entrada, prato principal e sobremesa!

Entrada(s):

1. Sashimi de Salmão (compramos um pedaço grande de salmão, para o qual o Bom Marido havia pensado em três formas de preparo)

2. Degustamos uns queijinhos e o vinho que compramos, enquanto a terceira entrada não ficava pronta!

3. Finalmente a deliciosa “Casquinha” de Salmão ao Molho Branco. Geralmente ele faz com peixe branco e coloca em forminhas em formato de conchinhas, mas como estávamos na casa dos amigos, utilizamos as tigelinhas de louça que encontramos por lá.

DSC00811

(Receita em breve)

Prato Principal:

Salmão Assado, acompanhado de Arroz Integral com Curry e Salada de Alface Romana com Molho de Mostarda. E mais a Lentilha saborosa que minha irmã fez (nossa tradição é comer lentilha no Réveillon).

DSC00825

Eu fiz o molho de mostarda!

Sobremesa:

Café com Sorvete Rolo Nestlé sabor Peanut Butter. Sem mais!

DSC00834

____

DSC00835Eu também me arrisquei na cozinha, especialmente sabendo que o Bom Marido e minha irmã adoraram as minhas Panquecas de Banana!!!

Compramos um “syrup” baratinho no Walmart, achando que era de Maple, mas na verdade era apenas um melado qualquer…

Pelo menos ficou bom nas panquecas!

____

Na semana seguinte já estávamos no apê que alugamos em West End Vancouver. Lá o Bom Marido continuou a fazer uma comidinha esperta para nós, mas sem muita variedade, afinal experimentávamos guloseimas sempre que saíamos e em casa comíamos mais o básico, ainda assim delicioso, claro!

IMG_3026Arroz Integral com Filé de Peixe Branco e Hash Browns (e Salada)

Gosto do jeito que o Thierry prepara o arroz. Ele coloca um pouquinho de óleo na panela, uma colherinha de curry e refoga 1 xícara de arroz nesta mistura. Em seguida ele coloca 3 xícaras de água e deixa cozinhando até ficar no ponto.

O filé de peixe ele tempera com limão, sal, pimenta, empana e frita com um pouquinho de margarina.

E as Hash Browns? Bom, ainda não descobrimos como fazê-las, mas o Bom Marido se apaixonou por essa iguaria feita de batata ralada e prensada em forma de hambúrguer. Dá para fritar ou assar. Preferimos assar.

____

IMG_3210De vez em quando o preço do Salmão estava bacana, então a gente fazia questão de comprar.

Era uma das opções para quando a gente não queria ficar só no filezinho de peixe!

Olha o capricho do Bom Marido!

O Bom Marido comia as Hash Browns quase todo santo dia. Eu evitava ao máximo, apesar de achar uma delícia. Eu ficava na saladinha mesmo. Especialmente de salsão, que era barato, suculento e gigantesco por lá!

____

IMG_3409Certo dia, inventamos de comer batata-doce. Seguindo a deliciosa versão de Batata Assada com Molho de Requeijão que já virou sucesso na casa do Thierry, em Vancouver ele fez:

Batata-doce Assada com Cream Cheese e Cebolinha, pra acompanhar o Filé de Peixe.

Essa saladinha já vendia assim prontinha para consumo no supermercado No Frills. Custava menos de 1 dólar o pacotinho. Era só abrir, colocar no prato, temperar e se deliciar.

Detalhe para as batatas chips President’s Choice enfeitando o prato!

IMG_2304

____

IMG_3475Mais uma delícia preparada pelo Bom Marido: Peixe Desfiado ao Molho Branco com Purê de Batata-doce!

Sim, insistimos em tentar comer batata-doce mais uma vez, mas sinceramente, não curtimos muito.

O que ficou bom mesmo foi esse peixinho desfiado que o Thierry fez!

Hmmm! Caprichadíssimo!

____

De vez em quando, uma extravagância pode, não pode? Pois bem… Passeando em um dos meus mercados prediletos, o Urban Fare, eis que o Bom Marido se depara com esse lagostini suculento na vitrine da peixaria. O que ele fez? Comprou, claro. E assim, jantamos um delicioso Lagostini Assado Recheado com Pedaços de Alho e acompanhado de Arroz Selvagem e Salada.

IMG_3541

Perfeito!

____

Além do Arroz Integral puro, nós o comíamos misturado ao Selvagem. Uma delícia!

Era uma das opções para acompanhar nosso peixinho de cada dia!

by_Thierry_Elaine

____

Neste cardápio também tem espacinho para o delicioso ovo frito do Bom Marido. Já comentei em outra postagem que até o “zóião” que ele faz fica com um gostinho especial. Não sei se é a manteiga, ou se são os temperos, ou tudo junto, mas eu adoro o ovinho que ele faz!

IMG_3632

____

Falando em ovo, eis uma Omelete Supimpa que eu ajudei a preparar:

No recheio temos: queijo prato, peito de peru, cebolinha, cebola e temperinhos.

Olha a chips President’s Choice aí outra vez!

by_Thierry_Elaine

____

Quando íamos ao mercado, sempre pesquisávamos os itens que estavam em oferta, independente da marca. A qualidade dos produtos lá não variava muito de marca para marca, então era simples escolher a mais barata e levar para a casa, sem medo de se arrepender.

Comprávamos pão integral por um ótimo preço. Fazíamos lanchinhos para levar quando saíamos para longe. Super prático. Pão, cream cheese, queijo prato, peito de peru e salada. Uma ótima forma de economizar dinheiro nos passeios!

Mas no apê também rolavam lanches, especialmente para o Bom Marido que comprou uns hambúrgueres gigantescos para experimentar. Desses eu passava longe, afinal, quem me conhece sabe que eu não curto carne vermelha. Amo peixe e consumo frango com mais frequência do que gostaria…

____

IMG_3282Enfim, estes foram alguns dos rangos preparados por nós em nossos 40 dias de viagem juntos. (Nossa “lua de mel antecipada”)

Espero que tenham apreciado!

Se eu conseguir liberar espaço de arquivo aqui no meu WordPress, eu tento postar mais uma parte da Sessão Macho & Fogão – Especial Canadá.

Por enquanto fiquem com estas imagens de dar água na boca!

____

Obrigada pela visita e até à próxima!

😉

XCIV. O Bom Marido no Canadá – Lighthouse Park; Trilha; A&W; Dollarama; Seabus; Lonsdale Quay Market; North Vancouver…

ComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryA sexta-feira do dia 16 de janeiro de 2015 começou muito bem para mim, pois logo cedo recebi uma mensagem de uma brasileira super legal que tinha visto a foto do meu livro em um grupo de brasucas em Vancouver, no Facebook. Ela passaria por Downtown naquela manhã e queria pegar o livro comigo.

Fui toda contente para a escola, conversei com o professor Rafael (que estava substituindo a Barbara por ela estar doente) e pedi para ele me deixar sair por alguns minutos durante a aula. Ele disse que não haveria problema, então lá fui eu entregar o livro para a Adriana Gonçalves, uma brasuca guerreira que mora, estuda e trabalha em Vancouver com muito orgulho.

IMG_3644aMaravilha! Adorei conhecer a Adriana e acabei descobrindo que ela trabalhava na Mogiana Coffee com um casal que havia comprado meu livro no evento Brazilfest Vancouver, no qual trabalhei como voluntária em setembro de 2014! (Postei sobre isso neste link AQUI!)

Após um delicioso bate-papo com a Adriana, voltei para a aula e assim que a mesma acabou, encontrei Meu Amado para irmos passear em North Vancouver e West Vancouver naquela fria sexta-feira.

Primeiro passamos no Dollarama para comprarmos uns chocolates e depois paramos no A&W para comermos um lanchinho antes de pegarmos o Seabus.

ComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryÉ tão gostoso passear de Seabus! A paisagem é linda, além da viagem ser super rápida e confortável.

ComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryChegando lá, entramos no Lonsdale Quay Market e tomamos um delicioso cappuccino enquanto estudávamos o mapa de onde nós iríamos.

ComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryPegamos o ônibus #239 até o shopping Park Royal e o #250 sentido Horseshoe Bay. Descemos no Lighthouse Park e percorremos uma trilha sinistra até o farol.

ComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryNa verdade só achamos sinistra pois quase nos perdemos, mas o bom de qualquer parque que visitamos em Vancouver, North Vancouver e West Vancouver é que sempre tem alguma placa ou alguma sinalização que leva a uma saída. É só prestar atenção e não querer explorar muita coisa quando já estiver escurecendo.

ComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryTiramos lindas fotos em uma paisagem para lá de romântica e, assim que começou a escurecer, saímos do Lighthouse Park e voltamos para a avenida principal para esperarmos pelo demorado ônibus.

ComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryComoSerUmBomMarido_Elaine_ThierryA essa altura já estávamos famintos, porém fomos salvos pelos chocolates que compramos no Dollarama. Aproveitamos para registrar que, para os próximos passeios deveríamos sempre levar água e lanche na mochila!

IMG_3669Bom, pelas fotos dá para perceber que este foi outro belíssimo passeio que fizemos em mais um dia das Aventuras do Bom Marido no Canadá. E eu devo ressaltar que foi belíssimo mesmo! Thierry que o diga!

Aliás, ele gostou tanto do norte e do noroeste de Vancouver que disse que moraria facilmente nesta região repleta de coisas interessantes para fazer. Por isso ele até já havia se programado para ir lá mais vezes durante nossa estadia no Canadá.

E assim o fizemos!

Obrigada pela visita e continue acompanhando esta maravilhosa viagem de Lua de Mel antecipada que fizemos!

Até a próxima aventura!

😉

ComoSerUmBomMarido_Elaine_Thierry

XCIII. O Bom Marido no Canadá – Stanley Park outra vez; Comidinhas; Preservativos Durex e afins

by_Thierry_ElaineUma das grandes vantagens de termos alugado um apê em West End, foi termos ficado bem próximos do Stanley Park, um dos lugares mais agradáveis de Vancouver para passear e realizar atividades físicas.

E como o parque é gigante, cada dia dava para explorar um pedacinho dele, sem enjoar das mesmas paisagens e dos mesmos trajetos.

by_Thierry_ElaineNa terça-feira do dia 13 de janeiro de 2015, o Bom Marido e eu inventamos de percorrer os cerca de 10km que contornam o parque, aproveitando que o clima estava ameno e o entardecer estava incrivelmente poético.

by_Thierry_Elaine

by_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_ElainePercorremos um trecho do Stanley Park e paramos no Brockton Point Interpretive Centre & Gifts (Totem Pole) para explorar os belíssimos totens e tirar umas fotinhos.

by_Thierry_ElaineComo sempre estava cheio de gente tirando fotos nos totens, incluindo uma família barulhenta de brasucas que estavam falando alto e de forma grosseira com suas crianças mimadas e birrentas.

Encontrar conterrâneos em outro país seria muito bom se os mesmos não agissem de forma tão arrogante, se achando os tais só por estarem viajando para fora do Brasil. (Não que todos sejam assim, mas confesso ter encontrado vários lá em Vancouver…)

by_Thierry_Elaineby_Thierry_ElaineEm compensação, rolei de rir com uma cena que aconteceu em seguida, quando resolvi ir ao toalete ali pertinho dos Totens. Encontrei uma senhora bem alegre e falante que estava procurando o banheiro feminino. Ela agradeceu quando informei a ela onde era e do nada ela resolveu contar sobre sua recente visita a Portugal quando ela se confundiu com a placa do banheiro. Ela disse que viu escrito no letreiro “Homem” e logo associou com a palavra “Women” (Mulheres, em Inglês) e entrou! Rimos bastante e eu até comentei com ela que eu falava Português também, mas do Brasil! Ela se despediu com um “Até logo” meio desajeitado, mas muito entusiasmado!

Bom, segui em direção ao meu Homem e continuamos nosso caminho em volta do Stanley Park. Até cruzamos com minha irmã que havia aproveitado o lindo dia para dar uma corridinha no Seawall. Quem me dera ter pique para correr também, mas sinceramente, não é a minha praia…

by_Thierry_ElainePrefiro andar, andar, andar, aproveitar a paisagem, não prejudicar minhas articulações e tirar muitas fotos poéticas durante o trajeto. E foi o que Mon Amour e eu fizemos.

Passeamos, conversamos, curtimos e fotografamos os belos lugares por onde íamos passando. Sem pressa. Tendo só o entardecer como nosso marcador de tempo.

by_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_ElaineLembrei do dia em que percorri esse trajeto de patins com minha irmã, logo no nosso primeiro mês de viagem, em agosto de 2014.

Lembrei também da primeira vez em que percorri esse trajeto de bike, quando estive em Vancouver, em julho de 2012.

Posso dizer que já contornei o Stanley Park pedalando, patinando e andando. Prometo que, se eu conseguir voltar para lá, tentarei realizar esse trajeto correndo!

by_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_ElaineAh, o Stanley Park! Tão lindo, tão interessante, tão aconchegante, seja no verão, seja no inverno. Um parque que fala conosco, como se dissesse exatamente o que estamos sentindo, independente da época do ano.

Quando já estava escurinho, Thierry e eu havíamos completado o circuito. Sentamos um pouco para observarmos a paisagem e seguimos de volta para o nosso apê.

by_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaineby_Thierry_ElaineChegando lá ele preparou nosso delicioso jantar: Peixe Empanado e um mix de Arroz Preto com Arroz Integral. Salada para mim e Hash Brown para ele!

by_Thierry_Elaine____

Quarta-feira, 14 de janeiro de 2015. Após a aula, voltei para o apartamento para ver o que o Thierry estava afim de fazer.

Assim que cheguei ao prédio, encontrei um esquilinho cinza que eu via todo dia ali em frente ao prédio, brincando e caçando alguma coisinha para beliscar. Esquilinhos são bichinhos lindos, fofos, peludos, engraçadinhos, mas muito ariscos! Eu adoraria ter um de estimação, mas eles não parecem muito sociáveis, a menos que você os atraia com nozes, sementes e afins.

SquirrelA sem-noção aqui resolveu perseguir o coitado do esquilo, na intenção de fazer um videozinho qualquer para guardar de recordação! (Um dia eu posto o videozinho aqui, assim que eu decidir o que fazer com ele!)

No apê, Thierry preparou o nosso almoço: filé de peixe e ovo frito.

IMG_3632Quando ovo frito entra em ação, é sinal de que é preciso ir ao supermercado para reabastecer a despensa, certo? Não, não é verdade. No caso do Thierry, a ida ao supermercado ocorre mais pela ausência de Coca-Cola e guloseimas. O resto não importa tanto. Ah, e lá em Vancouber eram as Hash Browns também, afinal ele gostou tanto desse negócio que o comia quase todo dia!

Enfim, já que falamos em supermercado, naquela quarta-feira foi o que resolvemos fazer: comprinhas. Tínhamos que dar um rolê na farmácia de qualquer jeito e como era no mesmo complexo do supermercado, resolvemos aproveitar o ensejo.

Bom… A ida à farmácia foi por conta de um item muito útil que estávamos procurando. Aquele que quase todo casal precisa, sabe? Aquele lá que é bem constrangedor de pedir para um balconista de farmácia, entende? Aquele que é muito mais fácil quando fica pendurado em alguma gôndola e você só precisa pegar, misturar entre outras coisas que você vai comprar e passar no caixa, saca?

Pois é! E lá fomos nós comprar preservativos pela primeira vez em Vancouver.

Passamos por vários corredores da farmácia e não encontramos os pacotinhos clássicos de camisinhas. Na verdade nem sabíamos como eram as embalagens lá, pois nem em comerciais havíamos visto.

E roda daqui, rola dali e nada! Nos vimos na constrangedora missão de perguntar a algum funcionário onde ficavam as “condoms”.

durex_typesPois bem, no caixa havia uma funcionária (ou um funcionário?), juro que não sei dizer se era um homem com um jeito estranho ou uma mulher com aparência de homem. Não posso precisar nem pelo timbre vocal, igualmente confuso! Enfim, a pessoa em questão, ao se deparar com minha pergunta, não soube onde enfiar a cara! Não conseguiu disfarçar o sorrisinho e respondeu, meio encabulada, quase rindo, com olhar de surpresa e curiosidade que as camisinhas ficavam ali na parte da frente do terceiro corredor. Onde já havíamos passado umas três vezes sem notar…

E lá fomos nós adquirir uma caixinha de Durex (não a fita adesiva e muito menos o sobrenome do Thierry – Durieux).  Passamos no caixa (no qual o(a) atendente ainda estava com um risinho no canto da boca) e seguimos para o mercado No Frills onde fizemos nossas comprinhas básicas da semana, com direito a Hash Browns, batata frita President’s Choice, sorvete e um curioso item que o Thierry quis experimentar: romã!

IMG_3635É mole? O rei das guloseimas, das frituras e do refrigerante querendo comer fruta… Milagre!

Bom, milagre mesmo seria se ele tivesse gostado muito da romã. Apenas provou uns carocinhos após o jantar e nunca mais tocou no assunto.

E falando em jantar, comemos basicamente o mesmo do dia anterior, com o acréscimo da romã na sobremesa!

IMG_3634____

urbanfareQuinta-feira, 15 de janeiro de 2015. Mais um dia de pouca atividade. Eu, pelo menos, fui para a escola e na volta passei no meu mercado preferido, o Urban Fare, onde apenas entrei para ver as novidades, aproveitar as amostras e bater papo com gente que eu não conheço. É, eu gosto de fazer isso e confesso que é uma das melhores formas de praticar o Inglês: sendo gentil com estranhos e dando atenção quando eles puxam qualquer tipo de assunto!

Ah, o Canadá é realmente tão legal! Quero morar lá um dia.

::: Logo logo, quem sabe? :::

Bom, o dia de hoje não teve passeio com foto. Na verdade acredito que tenhamos só dado uma volta no bairro, lavado nossas roupas na lavanderia do prédio e ficado em casa assistindo à TV.

Family Feud e Mike & Molly eram nossos shows prediletos enquanto estivemos lá. Ótimo também para estar com o Inglês sempre em mente, de forma divertida.

Ah, não posso deixar de postar as fotos do nosso digníssimo jantar preparado por Mon Amour:

Omeletes do Bom Marido:

by_Thierry_Elaineby_Thierry_Elaine____

Bom, e assim foram os dias 13, 14 e 15 de janeiro de 2015.

Obrigada pela visita e continue acompanhando as aventuras do Bom Marido no Canadá!

Até a próxima!

😉

LXXXIX. Livro “Como Ser Um Bom Marido” Em Cenas de Filme

dvdNo último sábado, 23 de maio de 2015, houve a pré estreia do filme Steve Cicco II: Missão Popoviski, realizado pela V. Produções na cidade de Jacareí.

Este, que é o segundo filme da trilogia Steve Cicco, também foi feito de forma independente, cuja verba usada para finalizar o trabalho foi conseguida através do site do Catarse, uma conhecida plataforma de crowdfunding.

A pré estreia de Steve Cicco II: Missão Popoviski ocorreu às 19h no MAV – Museu de Atropologia do Vale do Paraíba e contou com a presença de grande parte do elenco, bem como a equipe de produção, figurantes, apoiadores e o público local. A reação de quem assistiu ao filme mostra que ele tem tudo para alçar altos voos e cair nas graças de todos, afinal a obra é recheada de sátiras de filmes de ação, humor não apelativo e sacadas geniais.

IMG_6777préestreia01Vinicius J. Santos, diretor e editor do filme é um artista que faz acontecer no cinema nacional independente. Steve Cicco II: Missão Popoviski é o seu terceiro longa de baixo orçamento realizado em Jacareí. Com mais este trabalho em seu currículo, o diretor ainda faz questão de promover o intercâmbio cultural ao unir com humor e sutileza cinema e literatura em um só lugar.

Por exemplo, o livro “Como Ser Um Bom Marido” aparece com destaque em algumas cenas do filme. Meu outro livro “Da Depressão à Criação” também aparece de relance por lá!

New Picture (31) E euzinha, Elaine “Thrash” Oliveira, faço parte do elenco do filme interpretando a espiã russa Isabella Arakov, irmã gêmea de Natasha Arakov que interpretei no primeiro Steve Cicco.

stevecicco1e2Posso dizer com toda certeza que este foi um dos trabalhos mais divertidos que já fiz na vida. Trabalhar com uma equipe super bacana, receber o carinho de muita gente e ainda ter meu livro divulgado no filme é, sem dúvida, o melhor presente que eu poderia ganhar até o momento. Só tenho a agradecer a todos e em especial ao Vini por acreditar no meu trabalho e me convidar para atuar nas produções dele.

Durante as gravações, boa parte do elenco também fez questão de adquirir meu livro*, o que me deixou imensamente feliz e agradecida!

* Fotos lá no álbum: Como Ser Um Bom Marido – O Livro

préestreia06É por isso que faço questão de divulgar e também de apoiar quem não fica de braços cruzados esperando uma oportunidade cair do céu. Sendo assim, o Vini e todo o pessoal que dá o sangue nas produções dele merecem muito apoio, elogios, agradecimentos e reconhecimento.

Vida longa ao cinema nacional independente!

Para assistir ao empolgante Steve Cicco II: Missão Popoviski, visite a página no Facebook e saiba como adquirir uma cópia do filme pelo preço simbólico de R$10,00.

Vamos colaborar para que Steve Cicco III venha tão ou mais explosivo que o seu antecessor.

cartazAgradecimentos especiais à minha família: minha Boa Irmã Eliane por ter pintado meu cabelo especialmente para as gravações deste filme, à minha Boa Mamãe por sempre deixar meu figurino impecável (até meu coturno ela engraxou!) e ao meu Bom Papai que, várias vezes, conseguiu me levar até Jacareí para as gravações e também para a pré estreia do filme!

préestreia05____

Obrigada pela visita e até a próxima!

😉

____

Olha que fofo o Charlie aparecendo no filme:

New Picture (5)New Picture (2)____

Veja também algumas imagens minhas no filme:

New Picture (1)isabellaesteveNew Picture (8)New Picture (15)New Picture (16)isabellaaravokNew Picture (21)New Picture (23)New Picture (25)New Picture (27)New Picture (29)____

Valeu, galera! E que venham os próximos!!!

____

Steve Cicco II: Missão Popoviski

Sinopse: Steve Cicco, o agente mais fodão da C.I.E está de volta em mais uma nova aventura. Depois da morte do agente Douglas, chefe Girdeaux convoca Steve para uma nova missão, investigar Miguel Vargas em Caragua’s Beach. Steve assume um disfarce e se torna Antonio Gonzalez, acaba descobrindo que Miguel trabalha para um homem misterioso conhecido como Nicolai Popoviski. Mas Steve não estará sozinho nessa missão, ele conta com a ajuda de Sabrina Montez e a espiã russa Isabella Arakov.

Missão Popoviski é mais um filme do nosso heroí Steve Cicco na guerra contra o terrorismo.

Longa-metragem. Ação/ Comédia.

Direção: Vinicius J. Santos

Realização: V Produções Cinematográficas Ltda.

Elenco: Marcelo Rodrigues, Elaine “Thrash” Oliveira, Cassiano Hasmann, Sergio Kobra, Amanda Barreto, Junior Frigi, Monica Mattos, Carol do Brasil, Alberto Capucci, Ariela Lana, Gustavo Peres, Giuliano Murgulo, Jesse Oliver, Thaise Brito, Luís Roberto.

LXXXVIII. O Bom Marido no Canadá – Domingo Preguiçoso; Stanley Park; Jornalismo; Granville Island

IMG_3413Friozinho bom. Tempo chuvoso. Domingo preguiçoso!

A vontade de ficar em casa descansando estava forte no domingo do dia 11 de janeiro de 2015, mas ainda que tenhamos acordado tarde, resolvemos colocar a cara na rua, após o almoço.

IMG_3410A vantagem de termos alugado um apê perto do Stanley Park é que sempre dava para fazer um belo passeio, cada dia explorando um pedaço do parque.

E assim, logo após uma deliciosa Batata-doce Assada com Cream Cheese, Cebolinha, Filé de Peixe, Batata Chips e Salada, fomos fazer uma caminhadinha em volta da Lost Lagoon, no Stanley Park.

IMG_3409Não tem como não se sentir bem em um lugar como esse, tão pertinho do nosso apê!

IMG_3418IMG_3419IMG_3420IMG_3425IMG_3426IMG_3432IMG_3435É por essas e outras que dá uma baita vontade de morar em Vancouver para sempre!

Oh, Canada! Oh, Vancouver! Oh, West End! Oh, Stanley Park!!!

IMG_3438IMG_3442IMG_3453IMG_3454IMG_3459IMG_3460IMG_3463IMG_3466IMG_3468IMG_3474

____

Na volta, o Bom Marido fez um delicioso Molho Branco com Peixe Desfiado, Purê de Batata-doce e Chips President’s Choice. Hmmm! Divino, como sempre!

IMG_3475____

*** Curiosidade do dia: Ali perto do nosso apê, vimos uma espécie de Poste dos Recados

Um local onde o pessoal coloca informações, anúncios, classificados, dicas, serviços e afins de interesse dos que moram nos arredores!

IMG_3415____

No dia seguinte, segunda-feira, 12 de janeiro, cheguei da ILSC-Vancouver toda feliz por ter feito um Jornalzinho na aula!

Montamos um tabloide com notícias sensacionalistas sobre coisas bizarras e famosidades!

IMG_3480

Foi muito bacana ver os divertidos e criativos textos da galera e os meus também ali sendo impressos na hora!

(Adorei a impressora gigante, potente e prática também!)

IMG_3478A professora Barbara Whiting disse que é tradição ela comprar donuts em dia de publicações. Ela comprou Timbits do Tim Hortons para toda a turma!!! Super gostoso isso!

IMG_3477____

Após a aula, fui passear com Meu Amado.

Inventei de levá-lo para conhecer a Granville Island (lugar que eu adoro!) e fomos a pé até lá, tirando várias fotos pelo caminho.

IMG_3487IMG_3492IMG_3494IMG_3495IMG_3502DSC01225DSC01228DSC01231DSC01232DSC01234DSC01235DSC01239DSC01242DSC01249Atravessamos a Granville Street Bridge, visitamos uma galeria de arte e tentamos entrar no Public Market, mas por ser segunda-feira o mesmo estava fechado para manutenção! #Chateada

IMG_3506IMG_3510IMG_3511DSC01254IMG_3513IMG_3514IMG_3516IMG_3521Entramos em uma espécie de mercadinho público menor e tomamos um chocolate quente com uma torta de maçã muito esquisita por sinal.

IMG_3522IMG_3524

Depois do lanchinho caro e não muito gostoso, seguimos andando pela região até escurecer.

IMG_3525IMG_3526IMG_3528Atravessamos a ponte de volta, esticamos a caminhada até a Alberni Street e passamos em um dos meus mercados favoritos, o Urban Fare, onde compramos arroz selvagem e frutos do mar para nosso digníssimo jantar!

Aproveitamos para tirar umas fotos à noite, pois a decoração de Natal ainda estava nas ruas.

Acredito que ela só seria retirada no final do inverno, afinal as noites frias ficam muito mais bonitas com luzes natalinas!

IMG_3533Bom, e assim vou contando pouco a pouco como foram nossos lindos dias, mesmo os mais simples, em Vancouver.

Fica cada vez mais difícil não querer voltar imediatamente para lá… Quem sabe um dia, né?

(Torçam aí pelo Bom Marido e por essa Boa Esposa que vos escreve!)

Obrigada pela visita e até a próxima aventura do Bom Marido no Canadá!

😉

____

Ah, já estava me esquecendo de postar a foto do requintado jantar, preparado pelo digníssimo Bom Marido:

Arroz Selvagem com Lagostini Assado e Salada!!! Supremo!!!

IMG_3541– Bon Appétit!!!

LXXXI. O Bom Marido no Canadá – Farmers Markets – Queen Elizabeth Park

IMG_2822

Ah, Vancouver

O terceiro dia do ano caiu em um sábado. E há tempos eu estava afim de ir a alguma Vancouver Farmers Markets (uma espécie de “feira livre” onde produtores locais divulgam e vendem seus produtos, disponibilizam algumas amostras e fazem contatos).

Eu AMOOOO essas feiras e lembro que da primeira vez em que me deparei com uma Farmers Markets foi em 2012, quando eu estava andando à toa pelas redondezas da Main Street – Science World Station… Ah, faz tempo…

Esses eventos ocorrem em vários locais de Vancouver, dependendo da época do ano e este que visitamos no dia 3 de janeiro de 2015 (Winter Market) ocorreu no Hillcrest Park, perto do Queen Elizabeth Park.

IMG_2812Foi tranquilo chegar lá. O Bom Marido e eu pegamos o Skytrain da Lougheed Town Centre até Waterfront e lá pegamos a Canadá Line até à King Edward Station.

Em menos de 15 minutos de caminhada, chegamos à Ontario Street, local da feira.

IMG_2786IMG_2790IMG_2794IMG_2807IMG_2813Dia nublado, mas muito produtivo. Passeamos por toda a feira, experimentamos queijos, chocolates, sucos, geleias, frutas desidratadas, patês e até pão artesanal!!!

IMG_2817IMG_2818IMG_2819IMG_2820IMG_2823 Não compramos nada, mas não foi por “mão-de-vaquice”, mas sim por não termos como carregar, afinal planejávamos ainda caminhar pelo Queen Elizabeth Park após a feira.

Nossa vontade era ter comprado alguns potes de geleia e umas garrafas de suco de maçã, entre outras coisas deliciosas que provamos por lá!

IMG_2824Claro que toda Farmers Markets sempre tem barracas e trailers de comida para vender, no entanto, tínhamos provado tantas iguarias que não sobrou espaço para o almoço!

IMG_2853E fomos explorar o Queen Elizabeth Park.

Quando estive lá em 2012 em mais uma de minhas andanças sem rumo, acabei fazendo um passeio superficial pelo parque, sem notar o quanto de coisas lindas dava para ter visto.

Desta vez, fui na onda do Thierry, seguindo o feeling de encarar cada trilha que encontrássemos no caminho.

Ficamos horas e horas andando pelo parque, tirando fotos e curtindo a beleza do lugar.

IMG_2837Dá gosto visitar um parque tão limpo, bem cuidado e bem frequentado.

Se estivéssemos no Verão, certamente passaríamos mais tempo ali, pois teríamos mais tempo de sol. Até imaginei um piquenique bem romântico ou então ficar deitada na grama de barriga para cima, olhando para o céu…

IMG_2851Andamos de cima a baixo, porém o único lugar que não vimos, foi o campo de golfe, mas também não fizemos muita questão.

Voltamos a pé até à estação King Edward, descemos na Waterfront e seguimos até Gastown, onde o Bom Marido comprou um chapéu quentinho para aguentar o frio que estava fazendo!

IMG_3005IMG_3010Já estava bem escuro quando pegamos o Skytrain na Waterfront Station e voltamos para Burnaby.

____

Pra variar, a gente sempre tira muuuuiiiitas fotos:

IMG_2868IMG_2880IMG_2887DSC01023DSC01028IMG_2904IMG_2910IMG_2912IMG_2933IMG_2938IMG_2943IMG_2945IMG_2947IMG_2960IMG_2964IMG_2971IMG_2976IMG_2980IMG_2989IMG_2990IMG_2991IMG_2998DSC01054DSC01017DSC01041DSC01042DSC01047DSC01050DSC01058IMG_3001IMG_3003Estar em um lugar tão lindo assim, ao mesmo tempo em que traz uma sensação boa, deixa um ar melancólico, afinal sabemos que, infelizmente, é por pouco tempo…

Bom, é isso, pessoal. Espero que tenham curtido mais essa aventura do Bom Marido no Canadá!

E até o próximo capítulo!

😉

____

* A atual temporada do Winter Market começou no dia 1º de novembro de 2014 e vai até o dia 25 de abril de 2015. Sempre aos sábados, das 10h às 14h.

* O Queen Elizabeth Park é um dos parques mais bonitos do mundo. Perde apenas para o Stanley Park em número de visitantes por ano.

IMG_2979

Ganhei uma charge! Uhuuu!!!

Eu já fui desenhada, vetorizada, caricaturada, ilustrada, pintada e rascunhada uma porção de vezes, mas esta é a primeira vez que alguém me homenageia assim em uma obra de arte, junto com o Charlie, meu segundo livro, que é meu xodozinho do momento!

E, apesar de eu estar TOTALMENTE sem tempo (e com problemas técnicos) para postar qualquer coisa em qualquer um dos blogs que eu administro (Elaine Oliveirarte, CIAVIP Cultural, Maple Leaf Sisters e este aqui), tive que dar um jeito de parar tudo e vir correndo aqui mostrar uma das homenagens mais bacanas que recebi nos últimos tempos.

Senhoras e senhores, eis a charge que meu amigo Felipe Cardoso, mais conhecido como o “Felipão da Vovó” (piada interna das primas Oliveira!) fez com todo carinho para mim:

ChargeNão sou tão bonita assim como no desenho, mas ele acertou na cara de bravinha, no “zóião” e na cinturinha fina! hahaha

– Amei, Felipão! Eu não esperava receber um presente tão especial assim!!! Sério! Ganhei o dia, a semana, o mês, o ano todo depois dessa. Super beijo e muito obrigada!

Fora a mensagem que ele me deixou no Face desejando boa sorte e dizendo que o Brasil não é Brasil sem mim!

Puxa, que honra!

Pode deixar que eu volto logo, gente!

Em Fevereiro estamos de volta: Charlie, eu e o Bom Marido mais querido do nosso país que, se Deus quiser, vem me buscar aqui em Vancouver!!!

Bom, gente… Por hoje é só.

Espero que tenham gostado desta rápida postagem.

::: Aos que sempre me perguntam: Charlie , minha irmã Lilly (Lilika) e eu estamos bem! De vez em quando eu posto algumas fotos dos nossos passeios e da trajetória do Charlie lá na página do face: www.facebook.com/comoserumbommarido.

Curtam e comentem lá, curtam e comentem aqui, compartilhem, alastrem, divulguem e, principalmente, adquiram o livro para dar uma força ao meu trabalho, valeu?

Brigadão mais uma vez e até a próxima, se Deus quiser!

😉

Bjs meus e do Charlie para todos vocês! ^^

Charlie viajando!

10_aeroportoGRUQuem acompanha minhas postagens e minha jornada sabe que, no exato momento, não estou no Brasil.

O Bom Marido sim, mas a Boa Esposa (esta que vos escreve) resolveu estudar e trabalhar em outro país, aproveitando para levar o Charlie junto.

18_seattleQuem acompanha esse blog e todas as notícias referentes ao livro “Como Ser Um Bom Marido” sabe que Charlie é o sapinho da capa.

Portanto Charlie – o sapo, está agora mesmo curtindo uma incrível e maravilhosa temporada de férias em Vancouver, no Canadá.

Mas por quê Vancouver?

Porque sim, oras.

24_metrotownMinto. É porque eu já estive aqui há uns 2 anos, lembram?

(Cliquem AQUI e refresquem a memória)

E eu falei tão bem daqui que minha irmã Lilika se empolgou e quis vir para cá de qualquer jeito para estudar e trabalhar.

O negócio é que ela me intimou a vir junto e eu, mesmo com o coração apertado por deixar o Bom Marido e nosso bebê Lucky (o gato) no Brasil, resolvi aceitar o chamado.

Até mesmo porque se eu não tivesse vindo agora, talvez não conseguisse vir tão cedo, pois as leis canadenses sofreram alterações e somente quem desembarcasse no Canadá até o comecinho de Agosto deste ano obteria o visto de trabalho sem precisar estar matriculado em alguma faculdade daqui (o que sairia bem caro) ou aplicar para imigrar de vez (o que é bem difícil, burocrático e caro também).

37_charlienoSkytrainClaro que eu queria que o Meu Amado estivesse comigo, mas sei que, no momento, nossas finanças não permitem tal empreitada. Fora isso ele jamais toparia fazer esse tipo de intercâmbio (Work & Study) seja para qual país fosse.

Mas o Bom Marido precisa vir para cá. Como turista, pelo menos.

25_curryexpressCharlie está adorando conhecer lugares, comidas, passeios e pessoas diferentes.

Talvez o Meu Príncipe Encantado não se empolgue tanto em socializar com estrangeiros, mas eu tenho certeza que ele se identificaria muito com essa cidade. Tudo aqui tem a cara dele!

A gente mata as saudades via Skype.

Santo Skype me salvando pela segunda vez. Lembram da primeira?

Mas agora não são apenas 40 dias como da outra vez. São 6 meses!!!

É por isso que o Bom Marido precisa mesmo vir para Vancouver, nem que seja para ficar 15 dias comigo, conhecendo a cidade e reforçando a ideia de morar fora do Brasil.

02_CharlieDowntownUrsoMas tudo depende de dindim… E eu ainda não consegui um bom emprego aqui.

Estou contando com isso e com os cachês que ainda recebo no Brasil para me manter e tentar trazer Meu Amado para cá.

Mas está difícil.

Charlie está me ajudando bastante, afinal ele anda atraindo muitos olhares por aqui!

Além dos amigos do Canadá Diário, Dimitri e Fabiana, que apoiaram o projeto do livro no Catarse e receberam as recompensas em mãos, mais dois livros já foram vendidos por aqui. Um foi para minha “irmã cósmica e de coração” Regina, cujo universo faz questão de nos reunir, coincidentemente, de tempos em tempos!

12_Cinema1E outro foi para um (pasmem!) Mexicano que conheci no Latin Summer Fest (um festival latino americano) e que ficou encantado com a capa e com o título do livro.

09_LatinSummerFest1Espero que ele goste do livro e que o conteúdo do mesmo seja de grande utilidade em sua vida, pois esse Mexicano me pareceu ser um cara bacana e merecedor de uma boa pessoa que lhe arrebate o coração.

10_TroutLakeA luta, de agora em diante, vai ser arrumar um bom emprego, focar nos estudos e vender muitos exemplares de Como Ser um Bom Marido para os amigos brazucas que eu fizer por aqui.

Sem generalizar, mas já generalizando, brasileiro é muito preguiçoso para ler. E para comprar livro então, nem se fala!

Mas eu tenho fé que os muitos brazucas que estão aqui representando nosso belo verde e amarelo se interessarão em adquirir, por apenas $15,00 CAN (quinze doletas canadenses), este divertido livro, muitíssimo bem representado pelo sapo mais viajandão do mundo: nosso querido Charlie!

Charlie está se divertindo muito na companhia das Maple Leaf Sisters, mas ele está ansioso em conhecer novas pessoas aqui em Vancouver.

Portanto, se você gosta ou conhece alguém em Vancouver que gosta de ler (em Português) e acha que este livro é uma boa fonte de entretenimento e reflexão, então, por favor, nos ajude a divulgar essa obra!

Certamente o Charlie, as Maple Leaf Sisters e o Bom Marido (que está lá no Brasil se matando de trabalhar para conseguir vir para cá…) agradecerão de coração pela força e pela aquisição do livro!

#ValeuCharlie!

#CharlieEmVancouver

#ComoSerUmBomMarido #Brasil

#HowToBeAGoodHusband #Brazil

#CharlieNaGlobo #ComoSerUmBomMaridoNaGlobo

04_CharlieEsculturasRisonhas

____

Agradeço a todos que torcem pelo sucesso deste livro, em especial aos que já compraram, já leram e já recomendaram para outras pessoas!

Um grande beijo e fiquem com mais algumas fotos das “aventuras” do Charlie:

01_CharlieSeattle
Charlie no Aeroporto de Seattle.
03_CharlieFestivalIndiano
Charlie no Festival Indiano com a família Canadá Diário.
39_lougheedstation
Charlie tomando um lanchinho com as Maple Leaf Sisters na Lougheed Town Centre Station.
03_CharlieIKEA
Charlie passeando na IKEA.
05_CharlieYBC
Charlie tomando “umas” (brinks!) na Yaletown Brewing Company.
06_CharlieSkytrain
Charlie e o ursão na Yaletown Station.
07_CharlieILSC
Charlie em seu primeiro dia de aula na ILSC – “Creative English Course”.
08_CharlieItalianMarket
Charlie provando uns quitutes no Italian Night Market.
11_BlenzCoffee
Charlie tomando um Belgium Hot Chocolate no Blenz Coffee.
14_CharlieLibrary
Charlie visitando a Biblioteca Pública.
15_CharlieTrain
Charlie e as Maple Leaf Sisters visitando o Roundhouse Community Centre, em Yaletown.
13_CharliePelúcia
Vejam que maravilha! Vimos alguns Charlies de pelúcia à venda lá no Vancouver Aquarium!!! Precisamos comprar algumas unidades para sortearmos entre nossos leitores, que tal?

 ____

Obrigada pela visita e aguardem as próximas postagens sobre as aventuras do sapo mais charmoso da nossa Literatura!

____

::: Aproveitem para visitar o blog das Maple Leaf Sisters, o blog da Eliane Lilika e meu outro blog: Elaine Oliveirarte!

::: Curtam também a página do livro Como Ser Um Bom Marido no Facebook!

____

Fiquem à vontade para comentar, curtir e compartilhar este conteúdo, por favor!

Suuuuuuper beijo,

Elaine Thrash

😉