E o Charlie vai também!

MapleLeafSistersMuito bem, pessoal…

Está quase chegando o dia em que minha irmã e eu faremos uma longa viagem de estudos e trabalho em Vancouver, no Canadá.

Mas e o Bom Marido? Você vai deixá-lo aqui sozinho??? Outra vez?

Não. Não vou deixar Meu Amado aqui SOZINHO. Ele tem os pais dele, os meus pais, pouquíssimos amigos e nosso bebê Lucky para lhe fazerem companhia.

Não é o fim do mundo essa viagem. (Já fui para Vancouver em 2012, mas fiquei só 40 dias. Quem não se lembra, clique AQUI)

Acontece que o governo canadense vai começar a vetar a entrada de intercambistas que pretendem estudar e trabalhar no país, então ou eu aproveitava essa última oportunidade, ou ficaria a vida inteira lamentando e tentando imigrar para lá.

Sendo que:

1) Não sou uma profissional qualificada para imigrar para um país feito o Canadá. Sou artista, sou freelancer, não sou casada e não faço parte do grupo de pessoas que trabalham em áreas que seriam facilmente aceitas em outro país. Já disse que sou artista, né?

02_ElaineOliveira_diversos

2) Meu Noivo também é autônomo e a profissão dele não está na atual lista de profissionais aceitos no Canadá. Se bem que essa lista sempre muda. Ele tem mais chances de imigrar do que eu. Ele tem dupla cidadania, passaporte europeu, cara de europeu, fala Francês e Inglês razoavelmente bem, mas não escreve em nenhum desses idiomas… (aí já complica um pouco) Mas ele entende de computadores e outras nerdices que, vira e mexe, estão em alta nesses países bacanudos.

ThierryDurieux_3D

3) Antes de imigrar de vez, tenho que resolver algumas coisas aqui no Brasil, vender tudo o que eu tenho e me mandar de vez.

Entre as coisas para resolver, uma delas seria: como levar o Lucky? Chegar assim do nada de mala e cuia e gato não seria uma boa ideia. E com relação à moradia? Fonte de renda? Alimentação? É preciso resolver tudo isso com calma, aqui mesmo no nosso querido país, além de trabalhar dobrado para juntar uma boa grana e aí sim dar entrada nos papéis.

Thierry, Lucky e ey

Ah, Thierry e eu teríamos que casar antes, né? Para ficar tudo mais bonitinho! Mas nem para isso temos dinheiro…

Então farei esse intercâmbio de 6 meses com minha irmã, pesquisarei muitas coisas, mexerei uns pauzinhos e farei uns contatos por lá, tanto para mim quanto para o Meu Amado.

Ele vai ficar aqui chupando o dedo?

Não. Enquanto ele ajeita a vida dele aqui, dá um tapa no portifa, cuida do Lucky e trabalha mais um pouco para juntar uma graninha, estarei lá ralando e estudando muito para aprimorar meu Inglês e incrementar meu currículo também.

Mon Amour et Moi

E no último mês da minha viagem… TCHARAM!!! Ele irá para lá também!!! Tenho certeza que ele irá se apaixonar por Vancouver!

E por que ele não quis fazer esse mesmo pacote Work & Study igual o seu e da sua irmã?

Simples. Ele não gosta desse negócio de intercâmbio. A timidez dele é extrema e a impaciência com cursos de idioma presenciais também! Ele precisaria fazer uns cursos sim, acredito até que ele iria gostar um pouco, mas ele não está disposto a isso no momento, nem financeiramente falando!

E como você vai pagar, já que é uma artista e praticamente vive sem dinheiro?

Eu não vivo SEM dinheiro. Graças a Deus eu sobrevivo com meus cachês e estou sempre aceitando vários trabalhinhos que aparecem! Assim como qualquer pessoa, eu também tenho gastos (que procuro controlar ao máximo) e a maior parte do que recebo, eu guardo. De preferência na conta do meu Papai, que é sempre meu financiador para tudo.

ElaineOliveira_Lançamento2Desde que lancei meu segundo livro, venho guardando o dinheiro das vendas e utilizando em caso de emergência, como por exemplo a cirurgia que fiz ano passado, exames, remédios, a cirurgia no siso que fiz este ano, mais exames, mais remédios e outros tratamentos…

A saúde agora vem sempre em primeiro lugar.

Outros dindins que foram entrando, fui guardando. Já deu para pagar uma boa parte da viagem (Pacote Work & Study, acomodações, vistos, seguro internacional (obrigatório), passagens e uma graninha para passar o primeiro mês sem perrengue).

Papai, meu amado e precioso Papai está pagando tudo e sendo reembolsado por mim na medida do possível, assim como fizemos da outra vez em que viajei. (Vejam detalhes nesta página do meu outro WordPress)

Se eu conseguisse vender uns 100 livros aqui no Brasil, já estaria tranquila para poder viajar sem me preocupar. Mas estou preocupadérrima, pois a Copa atrapalhou meus freelas e agora, às vésperas de viajar, não posso aceitar alguns trabalhos que começam agora e terminam no segundo semestre. No segundo semestre já estarei lá em Vancouver, então não dá!

Luiz e Zélia - Casal Supimpa!Nessas últimas semanas só poderei contar com os livros mesmo, mas sei que seria impossível vender 100 livros em 13 dias.

Só se acontecesse um milagre em minha vida!!!

Independente disso, os livros estarão em poder dos Meus Pais e do Meu Amado Noivo aqui no Brasil. Os interessados deverão tratar comigo via e-mail, Twitter, Face, ou aqui mesmo via WordPress e minha família enviará daqui os exemplares pelos Correios para os leitores. É o jeito!

E um fio de esperança será o pacote de livros que levarei na viagem também. Cerca de 40 exemplares. Se eu tiver sorte de vender esses 40 lá nos próximos 6 meses, já será uma mão na roda! Mas ainda assim eu preferiria vender todo o meu estoque aqui mesmo antes de viajar.

– Ai, milagre! Cadê você em minha vida???

Enfim… Baboseias e desabafos à parte, espero que tenham entendido o título da postagem, afinal Charlie é o sapinho da capa do livro. E quando eu digo que ele vai também, é porque ele vai conhecer Vancouver comigo e com minha irmã!

CSUBM_Capafinal_2013aAtenção, Brasileiros em Vancouver! O Charlie está chegando aí para animar a vida de vocês!!!

Quanto?

Ah, só $15,00 (quinze doletas!!!)

Baratinho, vai?

Aos brazucas que ficarão por aqui mesmo, comprem o livro através do site do Meu Amado, assim vocês ajudam não só a mim, mas a ele também, ok?

Quanto?

Nesse caso, R$30,00 + frete (uns 35 mangos, molezinha também!)

Ah e os livros ele envia direitinho pelos Correios e até manda e-mail com o código de rastreamento, certo?

Eis o link: th.art.br/_produtos/comoserumbommarido.html

ComoserumBomMarido_PagSeguro

Espero que tenham entendido essa novela toda que eu escrevi!

Um grande abraço e muito obrigada pelo carinho, pela atenção e pelo tantão de visitas que venho recebendo aqui no WordPress ultimamente!

Beijos e abraços do Bom Marido, da Boa Esposa, do Lucky, e do Charlie também, claro!😉

Papai, Mamãe e Bebê!

2 Respostas para “E o Charlie vai também!

  1. É isso aí maninha!!! Bora vender o peixe! Ops! Sapo! Ops! Charlie!!! Ahhh enfim, bora divulgar esse trabalho maravilhoso!!! Livroooooo!!! \o/

    Curtido por 1 pessoa

COMENTÁRIOS SÃO MUITO BEM-VINDOS!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s